quinta-feira 29 de dezembro de 2016

Colônia de férias: vale à pena?

Categoria(s):

babymel3

Teatro, fantoches, banho de mangueira, pescaria, dia de princesa… Tudo isso nas férias! Pois é, o mês de janeiro está chegando, para a alegria das crianças e desespero dos pais. Afinal, nem todo mundo consegue tirar férias junto com os filhotes e a pergunta para todos os dias úteis ou não de janeiro é “o que fazer com os pequenos?” Quer dica? Colônia de Férias!

Aí você pensa: “Sai muito caro colocar o filho numa colônia de férias o mês todo”. Bem, mamãe, depende. Depende mesmo. Se você tem uma estrutura em casa, alguém que fique com seus filhos, amiguinhos vizinhos, brinquedos etc, as férias dos seus filhotes podem até ser legais. Mas deixar em casa vendo televisão o dia todo, vamos combinar, não acrescenta nada. Vai sair? Um dia de cinema com pipoca e depois uma pizza ou sorvete já foi “simbora” uma grana, não foi?

Mas é mais que isso. De acordo com a psicóloga Elaine Monteiro, de São Paulo, toda atividade manual é sempre mais importante do que um desenho animado. “É claro que há aqueles momentos em que o desenho é divertido e a criança, principalmente as mais velhas, entendem o contexto, acompanham os diálogos e vivenciam as emoções nos filmes que assistem, mas até os dois anos de idade, os desenhos animados não são recomendados, porque não há estímulo algum. Sentar no chão e tentar encaixar peças nos espaços corretos ou qualquer outro brinquedo, que seja encher um balde de areia no parque, traz muito mais aprendizado para as crianças”, conta Elaine, lembrando que as crianças maiores também não ganham muito passando o dia sem atividades.

Então, bora brincar? Existem muitas colônias de férias que agregam muito no aprendizado e – ok, estamos falando de férias – na diversão da garotada também! Na Baby Mel, escola que fica na Zona Norte do Recife, a recreação começa já no primeiro dia útil de janeiro e é dividida por semanas, somando três semanas. “As atividades na Baby Mel são estudadas e pensadas para a criança de férias, sem esquecer dos estímulos que são importantes. Na primeira semana, como os pequenos acabaram de deixar as atividades pedagógicas de suas escolas, nós trabalhamos com artes e atividades livres. Para a criança correr, brincar no parquinhos e nos brinquedos que temos disponíveis no nosso espaço”, conta a psicopedagoga Lídia Loreto, sócia- proprietárias da Baby Mel.

Pois é, e se o negócio é brincar, a escola traz na segunda semana a oficina de brinquedos e o “faz de conta”, com dia de princesa e dos heróis, quando os pequenos podem ir fantasiados para entrar no clima, apresentação de peça teatral, com oficina de confecção de máscaras, dia do salão de beleza e dia do brinquedo, com direito a aprender como se confecciona um brinquedo. Para encerrar, no teatro de fantoches também tem oficina para fazer os bonequinhos.

Na terceira semana da colônia da Baby Mel, a brincadeira é molhada e também de máster chef! Vai ter banho de mangueira, pescaria com estoura o bolão e gincana e brincadeiras com bexiga de água. No da do masterchef, todos aprenderão a fazer o famoso biscoito 1, 2, 3. O encerramento é com balada, quando as crianças devem levar roupas de passeio e levar um lanchinho coletivo para comemorar em festa!

Achou muito? Pois a criançada vai adorar. Sem contar que vai gastar energia pra caramba e já chega em casa pedindo cama! Mas se a mamãe ou o papai podem tirar uns dias, ou horários, para ficarem com o filhote, melhor! Dá para fazer um esquema com a colônia e deixar por alguns dias. O importante é garantir diversão nas férias, mas mais importante ainda é estar presente. Brincar com os pais é sempre a melhor parte!

A Baby Mel fica na Rua Virgínia Lorêto, 96, Parnamirim, Recife-PE
Fone: (81) 3441-9099/ 3441-3560
E-mail: contato@babymel.com.br

babymel4 babymel1

Faça um Comentário

    Topo