segunda-feira 26 de Janeiro de 2015

Ele ainda não dorme a noite toda?

Categoria(s):

A coisa mais difícil do mundo talvez seja entender porque alguns bebês não dormem a noite toda e como fazê-lo dormir. É o problema da maioria das mães que buscam ajuda porque preciiiiiiisam dormir também!

Bem, se ajuda dizer, até hoje, com quase um ano e meio, meu filho ainda é uma caixinha de surpresas de madrugada. Essa noite dormiu como um anjo, das 21h de ontem até às 4h, quando peguei no colo e ele dormiu mais um pouco até às 5h30. Tem jeito não, ele não é daquelas crianças que vão até às oito da manhã, para a alegria dos pais. Acorda cedo. Cedo que só!

Mas algumas estratégias eu sempre percebi que dão certo sim. A primeira delas, e talvez a mais importante, é a rotina. Seu bebê – desde quando é recém-nascido – precisa saber “o que vem depois”. Saber que naquela hora vai tomar um banho e depois tomar um leitinho e depois dormir. Tem que ter a horinha de brincar, hora do banho de sol, hora de cochilar… Já conversamos isso aqui várias vezes, mas não custa lembrar que a rotina deixa a criança segura e, consequentemente, mais tranquila. Por isso é importante fazer as mesas coisas sempre e nas mesmas horas. Sim, e nos mesmos lugares, como dar o leite sempre no quarto, sentar com ele na mesma cadeira e colocar no berço. Quando você está segura do que está fazendo, seu bebê sente essa segurança e fica mais calmo. E isso certamente vai ajudar a dormir melhor.

Algumas mães já me falaram que o santo remédio para o bebê passar a dormir melhor à noite foi o banho antes de dormir. Verdade, o banho relaxa. E tem que ser um banho sem muita agitação, heim? Um banho calmo. Outra coisa que funciona é você entender que hora de dormir é hora de desacelerar. Ou seja, se seu filho costuma assistir desenhos animados à noite, comece a colocar uns desenhos mais calmos. Deixe a luz e o som mais baixos, agite menos a criança e comece a falar mais baixo e com calma. Quando a criança está com sono, a agitação a deixa irritadinha, por isso muitas vezes elas ficam implicantes e até fazendo birra. Então, nada de “vou cançar bem muito ele para que fique com mais sono”. Nããããão! É o constrário. Pelo menos se ainda é um bebezinho. E não grite, não brigue com seu filhote.A birra é sono, mamãe. Entenda seu filhote. Fale com mais calma e com carinho. Se ele usa chupeta, é o caso de colocar a chupetinha para acalmá-lo. 

Mas, então por que, mesmo assim, o danado ainda acorda à noite? Quer saber? As respostas podem ser inúmeras: fome, refluxo, dentinho nascendo, alguma dor (doença, febre, gripe, tosse). Ou pode acordar simplente porque está acostumado a choramingar e a mamãe aparecer lá para colocar uma chupetinha na boca. É o meu caso. Talvez eu devesse deixar choramingar mais um pouco no berço, mas como eu sei que indo lá e colocando a chupetinha ele volta a dormir, acabo achando mais prático fazer isso. 

E é o que muitas mães fazem. Sabemos que não estamos usando a tática correta, mas, por cansaço, optamos pelo mais prático. Vou começar a usar a estratégia de deixar ele próprio encontrar a chupeta. Ou desacostumar a chupeta, o que é melhor. Mas pelo menos já sabemos o caminho, porque todas as outras técnicas já usamos e de fato ajudaram muito. O banho antes de dormir, a rotina, uma vitamina consistente para não ter fome, e meia hora sentado no meu colo antes de ir para o berço, para não ter refluxo. Tudo isso ajudou. Só falta a mamãe não aparecer lá de magrugada para atender a um capricho. Mas, na real, a mamãe aqui em questão é muito boba e acaba fugindo das regras para atender a um chamadinho do pequeno. Faz parte. Nem sempre seguimos o que está nos livros. E isso é ser mãe na real.

1 comentário

  • ritieli

    Gostei mais tem mais técnica para eles dorme pq o meu acorda de 1 em 1 hora ate pela madruga ele acordar 2 chorar mt vai dormir 4 5 hrs depois acordar

Faça um Comentário

    Topo