sexta-feira 27 de setembro de 2013

Com que roupa? – parte III

Categoria(s): ,

 

Quando um pouco mais velhos, entre 6 meses e 1 ano, é importante lembrar que os bebês já começam a engatinhar, sentar e andar. As roupinhas para essa idade, segundo especialistas, devem ser próprias para permitir esses movimentos com conforto. Vale a pena deixá-lo de calça, para que não machuque o joelhinho com o atrito com o chão. Se o tempo estiver quente, você pode colocar uma calça de tecido mais fino.

Nessa fase, as crianças normalmente já não sentem tanto frio, por se movimentarem o tempo todo. Então verifique se é mesmo necessário o agasalho antes de colocá-lo em seu pequeno. No verão, não faz mal deixar o filhote só de fralda e camiseta, ou macacões curtos. E tenha chapéus em casa. Quando expostos ao sol, os bebês devem estar com a cabeça e rosto bem protegidos, além do uso do protetor solar, segundo recomendação de pediatras.

 

Em relação aos tecidos das roupas, ainda se recomendam aquelas 100% algodão, mas essas crianças já podem usar também roupinhas de tecidos mais resistentes, já que elas estão engatinhando e brincado. Esses bebês costumam se incomodar com roupas com muitos detalhes. Se não for uma ocasião especial, deixe seu filho mais à vontade, com conjuntinhos simples de camiseta e bermuda, jardineiras ou vestidinhos com calcinhas acopladas.

E quando a mãe coloca um sapatinho lindo no bebê, mas ele não fica nos pés nem a pau? É fogo! Muitas mães ficam frustradas por comprarem sapatinhos que acabam nem usando. Nesse caso, a dica são as meinhas que imitam sapatos. Existem tanto para meninas quanto para meninos. São lindas e práticas, além de confortáveis (veja foto no início do texto).

E lembre-se que seu filho, nessa idade, já é bem espertinho e pode arrancar botões e pecinhas das roupas. E todo mundo sabe que os objetos miúdos vão direto para a boca. Então fica atenta quanto à qualidade da roupa. Qualidade e conforto. É disso que eles precisam.

Faça um Comentário

    Topo